quinta-feira, maio 13, 2021
InícioTecnologiaSaiba como atuar profissionalmente na bolsa de valores

Saiba como atuar profissionalmente na bolsa de valores

Existem diferentes formas de se obter sucesso no mercado de investimentos. Entre elas, uma das que chama a atenção é a prática do trader, um especialista que atua no curto prazo, movimentando ativos de maneira rápida e obtendo resultados em minutos ou poucos dias.

Para o investidor em busca de sucesso imediato, optar por esse tipo de abordagem parece mais interessante do que investir pensando em dividendos, por exemplo, que podem começar a justificar as aplicações depois de muito tempo. Sendo assim, vale a pena saber mais sobre o que faz o trader e o que é preciso para se tornar um.

 

O que faz o trader 

O termo trader vem do inglês e significa “negociante”, o que caracteriza qualquer operador no mercado de investimentos. Entretanto, é usual tomar a palavra como referência a quem trabalha com objetivos de curto prazo. Neste caso, a ideia é que o trader consiga compreender a volatilidade do mercado e em função dela obter ganhos com a compra e posterior venda de ativos ou com outros tipos de negociações rápidas.

Todo o procedimento no ambiente da Bolsa de Valores é o mesmo de aplicações concentradas no longo prazo, com a diferença de que para o trader o tempo para a tomada de decisão é significativamente menor.

Na prática, existem diferentes tipos de trade, sendo os mais comuns o day trade, que acontece quando o investidor se concentra em ações dentro de um único dia; o swing trade, quando a estratégia considera um período um pouco maior, em geral de um dia a algumas semanas; e o scalping, abordagem mais ousada, na qual a negociação ocorre em curtíssimo prazo, podendo levar poucos minutos.

 

O que é preciso para se tornar um trader de sucesso 

Não existe formação obrigatória para viver de trade. Qualquer pessoa com acesso ao home broker de uma plataforma de investimentos pode começar a operar. Entretanto, para ter sucesso é preciso se aprofundar em temas como economia e mercado.

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) recomenda que o interessado em trade estude teorias de análise técnica para alcançar resultados com essa abordagem. Tal análise busca a compreensão de movimentos do mercado, por meio de gráficos, volumes e tendências, com o objetivo de tentar prever variações futuras de preço nas ações.

Além disso, o trader precisa dominar conceitos de análise gráfica de ações para embasar suas decisões com critérios. Compreender as representações gráficas costuma ser o primeiro passo para identificar oportunidades no mercado, mesmo em curto prazo.

 

Quanto um trader consegue ganhar 

Não é possível definir um valor médio de remuneração para o trader. Isso porque o perfil que o mercado apresenta costuma variar. Da mesma forma que alguns investidores perdem dinheiro nesse tipo de operação, outros são capazes de gerar resultados expressivos.

Em geral, o trader de sucesso concentra-se em uma única maneira de lidar com o mercado acionário. Segundo a CVM, os investidores devem definir seus objetivos com clareza, verificando os métodos que mais se adequam ao perfil. Fatores como rentabilidade, liquidez, prazo e risco são considerados essenciais pela comissão.

Uma vez especializado em day trade ou scalping, por exemplo, o trader tende a ser um conhecedor desse tipo específico de operação, a ponto de dominar fatores como o montante necessário para gerar uma renda elevada e até a estratégia para diferentes situações apresentadas no pregão.

 

Como começar a atuar como trader 

O primeiro passo para o investidor interessado em atuar com esse tipo de operação é definir se pretende trabalhar profissionalmente ou especular na horas vagas. Caso a opção seja pela especialização, ele deve escolher qual tipo de abordagem é a mais adequada e investir em equipamentos e ferramentas para esse trabalho.

Em seguida, deve-se avaliar os riscos e as oportunidades presentes naquilo que o mercado oferece e entender qual é a sua tolerância em relação a riscos.

Por fim, o trader precisa estabelecer objetivos para definir estratégias, o que pode envolver maior tempo de aprendizado antes de a aplicação ser realizada. Feito isso, é necessário procurar uma corretora de valores para fazer o cadastro e, por meio dela, ter acesso a uma plataforma de investimentos, sistema conectado ao ambiente da Bolsa de Valores.

Deixe uma resposta

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments