sábado, junho 25, 2022
InícioCulturaInvestimento de mercado digital através de economia criativa

Investimento de mercado digital através de economia criativa

Investimento de mercado digital através de economia criativa. Objetivando promover a inserção de novas tecnologias dentro economia criativa a empresa  Eteryu1 foi criada para ser um canal de Produção de investimentos de caráter alternativo, entre eles: NFT e Metaverse, Cryptoart  e Compliance Digital.

O projeto visa o investimento  objetivando o fortalecimento das marcas de empresas brasileiras, obtendo assim, um canal de difusão para patrimônio público cultural como uma forma de incentivo e apoio aos artistas brasileiros através do NFT.

A integração das imagens produzidas por esses ativos digitais criptografados a exemplo de: fotos, vídeos, coleções ou outros tipos de produto que precisem de um certificado de propriedade e possam ser considerados exclusivos.

E isso tem feito os NFTs atingirem valores recordes em minutos em portais de venda específicos de Cryptoart  em casas de leilões de luxo.

Em março de 2021, a imagem intitulada “Everydays: the First 5000 Days”, criada pelo artista digital Beeple, foi leiloada na Christie’s por US$ 70 milhões, e se tornou a terceira obra de arte de um artista vivo mais cara da história.

Sendo assim, com o propósito de alinhar  marca à essa nova tecnologia, voltada à investimento relacionados a economia criativa, a empresa propõe a Expo Cryptoart  #0 no Brasil.

Investimento de mercado digital através de economia criativa

Investimento de mercado digital através de economia criativa
NFT produzido em homenagem a cantora Marília Mendonça, que faleceu devido ao acidente aéreo no ano passado.

A ideia é estabelecer a estas imagens de criptografias, como um  novo modelo de negócio  para o setor cultural, integrando as imagens com produção por esses ativos digitais de criptografia.  A exemplo de fotos, vídeos, coleções ou outros tipos de produto que precisem de um certificado de propriedade. Assim, possam ser exclusivos, fez com que o diretor Executivo da Eteryu1 lançasse no  dia 01.12  uma imagem com o título  “Rainha da Sofrência”. Ou seja, uma singela homenagem a cantora Marília Mendonça  que faleceu devido ao acidente aéreo em 5 de novembro.

Investimento de mercado digital através de economia criativa

O Diretor Executivo da Eteryu1 – Walter Contreras, lancou no  dia 01.12  uma imagem intitulada “Rainha da Sofrencia” , uma singela homenagem a cantora Marília Mendonça , que faleceu devido ao acidente aéreo , neste último dia 5 de novembro.

A empresa Eteryu1 com direção do chileno Walter Contreras, artista plástico e empresário radicado em São Paulo. Dessa forma, é uma empresa de marketing e estúdio de produtos para tecnologias transformadoras. E acaba de firmar parceria com a Academia de Desenvolvedores, que inova e prepara profissionais. Ou seja, capacitando-os para que atendam a uma demanda existente no desenvolvimento e administração direta de Sites e E-commerceSoftware App e outras ferramentas. A empresa é responsável pela criação da plataforma metaverso.

A ideia é estabelecer a estas imagens de criptografias, um novo modelo de negócio  para o setor cultural, com o intuito de promover a arte através da tecnologia em ambiente metaverse.
A integração das imagens produzidas por esses ativos digitais criptografados a exemplo de fotos, vídeos. Assim como, coleções ou outros tipos de produto que precisem de um certificado de propriedade e possam ser exclusivos.
É isso tem feito os NFTs atingirem valores recordes em minutos  em portais de venda  específicos de criptoarte em casas de leilões de luxo.
O Diretor Executivo da Eteryu1 – Walter Contreras, lancou no  dia 01.12  uma imagem entitulada ” “Rainha da Sofrencia” , uma singela homenagem a cantora Marília Mendonça , que faleceu devido ao acidente aereo , neste último dia 5 de novembro.
Clique aqui: https://t.me/eteryu1
Gif disponível para venda: https://opensea.io/Eteryu1
Instagram: @dr.nft_
Fotos: Acervo pessoal
Sula Costa
Sula Costahttp://www.sulacosta.com
Sula Costa nasceu em Anápolis, GO. Jornalista e empresária, estudou marketing no Brasil. Em NY, trabalhou com produtoras cinematográficas internacionais, Organizações de Instituto de Pesquisa em Preservação do Meio ambiente na ONU. Estudou produção de TV na Califórnia , designer gráfico e fotografia em NY. Trabalhou em projetos de restauração,construção e intervenção, planejamento culturais para o Brasil . Cobriu os principais eventos econômicos do Brasil em New York; trabalhou como correspondente internacional para o jornalista Gilberto Amaral e Casa do Brasil Internacional em Nova Iorque. É Diretora Executiva da Costa Consulting,, empresa de consultoria e fomento cultural em Brasilia e, World Art Show em Sao Paulo, empresa que apoia a arte visual do Brasil.

2 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments

Valéria on Funk consciente