terça-feira, outubro 19, 2021
InícioVariedadesA nova arquitetura paulistana

A nova arquitetura paulistana

A nova arquitetura das sacadas

Com crescimento de 4x mais, a capital paulistana dispara na arquitetura de sacadas de vidros.

O envidraçamento de sacadas já era um sucesso de vendas nas regiões de praia, mas hoje as vendas em São Paulo cresceram cerca de 4x mais comparando com o mesmo período do ano passado.

Mesmo em apartamentos de menor porte, a varanda tem sido uma prioridade. Hoje, por falta de espaço, as cidades passaram a crescer de forma vertical, assim é comum ver mais prédios e menos casas. Com o cenário atual, aqueles que não podem ter um quintal possivelmente podem ter uma sacada.

Porém, a conservação desse espaço é necessária para um maior conforto. Envidraçar a sacada é comum hoje em dia, porque protege as pessoas e os móveis contra a ação do tempo (chuva e vento) e da poluição, ao mesmo tempo que ajuda a manter a limpeza do espaço.

A economia para o setor de envidraçamento está girando. A empresa Planekit faturou 234% no ano passado. Este ano, no entanto, o aumento foi cerca de 100% a mais, ou seja, trata-se de um faturamento de, aproximadamente, R$ 300 mil no mês de março.

O CEO da rede, Marcelo Costa, comenta que a evolução foi porque as pessoas passaram a ficar mais tempo em casa. Elas perceberam que a sacada, além de ser um novo espaço da casa, pode ficar mais charmosa e segura. “A sacada com vidros é uma técnica já conhecida na capital, e existe na maioria dos apartamentos brasileiros. Além da segurança que ela proporciona, também conta com uma série de outras vantagens como mais espaço interno e maior aproveitamento da luz solar.”.

Deixe uma resposta

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments

Valéria on Funk consciente