Produtor Internacional busca apoio para produção de documentário do Setor Sucroenergético

O fechamento das usinas no Norte Fluminense do Brasil – este é a proposta aprovada pelo Ministerio da Cultura – Governo do Brasil na esfera Federal com duração de 69 minutos, filmado e finalizado em Full HD.

A proposta do renomado Produtor Internacional , Carlos Gutto , radicado os EUA há 20 anos, irá relatar os impactos sociais, econômicos consequentes pós-fechamento das usinas no norte fluminense do Rio de Janeiro e os impactos decorrentes na vida da comunidade local que vivia da mão-de-obra e produção destas usinas.

A degradação econômica no Brasil foi a consequência crucial quando as usinas fecharam. O fator de risco , a intervenção e ambição do homem na natureza, o descaso com os investimentos, verificou-se a intensidade da exploração abusiva de captação de recursos para investimentos deste setor manifestada por um descaso e abandono.

A região mantinha uma base sólida com a produção do açúcar, havia comprometimento com mercados externos, o setor de exportação estava dentro dos padrões econômicos de países em crescimento.

Com o encerramento das atividades nas usinas , houve uma queda instantânea no setor sucroenérgitico brasileiro. As Usinas do Queimado, Santa Maria, Barcelos , Cupim e São João, situadas no interior do Rio de Janeiro, que produziam suas atividades e abasteciam a região com empregos e gerava qualidade de vida para a comunidade local , que hoje , encontra-se num momento de total escassez.

A empregabilidade era a chave do sucesso para a produção do açúcar nessas regiões, com o fechamento , a comunidade local e a população de baixa renda vivem em total situação e abandono.

O Diretor do projeto que é formado em Produção de TV & Broadcast News, assumiu vários cargos técnicos, gerenciais e administrativos. Coordenador de produção, diretor, produtor de programa (Diretor Audiovisual), coordenador de estúdio durante (pré-gravações ), produção de programa formato noticiário e esportivo, além de eventos especiais como: programação em entretenimento, transmissão ao vivo de estúdio e locação.

Possui em seu curriculum vasta experiência como diretor, produtor, cinegrafista e editor, e, tornou-se conhecido nos Estados Unidos por criar peças promocionais e publicitárias (cross promo) de programas para canais de TV.

Sempre atuante, Carlos Gutto tornou-se líder comunitário na Califórnia e Flórida. Recebeu várias homenagens, condecorações em prêmios reconhecimentos a nível nacional, estadual e municipal, nos EUA, tanto no Senado, como no Congresso da California e na prefeitura da cidade de Long Beach – Fl, pelo seu ótimo desempenho dentro mídia na comunidade local.

Carlos Gutto, pretende com o projeto, ativar esses mercados econômicos que valavancavam a economia do país gerando estabilidade para as comunidades, além de otimizar o documentário em organizações , Câmaras de Comércio nos EUA, onde concentram grupos de investidores que possam de certa forma investir na reativação deste setor , despertando uma nova versão de produção no mercado sucroenergético e amparando a comunidade que vive na região das usinas em ruínas , que se encontra nos dias de hoje , totalmente abandonada.

O renomado produtor e diretor de TV internacional encontra-se no Brasil buscando um “apoio consciente” para seu projeto de conscientização e de 1ª grandeza.